Top

Os exames da profilaxia

1135 - Os exames da profilaxia

Os exames da profilaxia

Os exames Temos ouvido histórias de pessoas que morrem durante exercícios de pressão ou jogging. Muitas não passam mesmo de histórias, mas com base em casos documentais, é evidente que os acidentes ocorrem durante o exercício porque as pessoas pensam que estão mais preparadas do que realmente sucede. Não há motivos para preocupações, desde que verifique primeiro a sua capacidade, se não faz exercício regularmente.

O Dr. Kenneth Cooper, fundador do Instituto de Ginástica de Oxigenação, nos Estados Unidos, iniciou milhares de pessoas em campanhas de preparação com base em actividades  marcha, corrida, natação e ciclismo, para fortalecer o coração, os pulmões e circulação. Tem um excelente recorde de segurança, e as suas recomendações, graduadas de acordo com a idade, são simples. Pode começar a fazer exercício se:

Com menos de 30 anos: fez um exame de profilaxia o ano passado estava tudo bem; Entre os 30 e os 39: fez um exame de profilaxia nos últimos três meses, incluindo um electrocardiograma (ECO), para avaliar a actividade eléctrica do seu coração;

Entre os 40 e os 59: fez um exame de profilaxia nos últimos três meses, incluindo um ECG em repouso e um teste com esforço (um ECG enquanto fazia exercício numa bicicleta fixa ou numa passadeira rolante);

Com mais de 59: fez um exame pormenorizado, incluindo ambos os tipos de ECG imediatamente antes de começar.

Seja honesto consigo mesmo e se surgir qualquer dúvida, especialmente se tiver mais de 30 anos, peça uma opinião qualificada.

Se está a seguir tratamento médico, deve consultar o seu médico assistente antes de iniciar o exercício. Tenha também em mente que quando inicia um exercício a que não está habituado, vai criar mais tensão no seu organismo. Portanto, considere o tipo de pressão sob a qual já se encontra: o stress, quer provenha do seu trabalho quer de um ambiente familiar cheio de pressões, significa que deve avançar com cautela. Deve também ter cuidado se fuma, bebe bastantes bebidas alcoólicas, tem casos de problemas cardíacos na família, sofre de hipertensão ou peso excessivo.

Se faz exercício regularmente, não há qualquer problema em dedicar-lhe mais tempo. Mas se tem mais de 30 anos, não mude repentinamente para uma actividade mais violenta sem fazer um exame de profilaxia. Procure quaisquer dos inícios de excesso: uma média de pulsações que se recusa a baixar das 100 batidas por minuto, dores no tórax, tonturas, enjoos ou dores de estômago ou perturbações digestivas, dificuldade de respiração ou sensação de opressão.

No Comments

Post a Comment