Top

O alimento e a mente

modelos magraS - O alimento e a mente

O alimento e a mente

Os psicólogos aperceberam-se recentemente de uma gama de problemas quase exclusivamente detectados entre as raparigas e as mulheres geralmente da classe média que foram agrupados sob o nome de «manipulação alimentar». Esses problemas começam geralmente durante a adolescência ou logo a seguir a esta. Um desses problemas é o ciclo de dietas e excesso de comida, em que o paciente alterna entre tentar manter uma dieta irrealisticamente severa, e engorgitar enormes quantidades de comida. Estes banquetes poderão ser ou não seguidos de vómitos e/ou uso de laxantes para contrariar os efeitos do excesso de comida. A paciente passa a viver obcecada pela comida. Há diversas teorias sobre as causas deste comportamento, mas ele parece surgir nas pessoas que tem dificuldade em conseguir relações íntimas e que têm dúvidas acerca da sua capacidade de controlar a própria vida. Fazer dietas extremas e contínuas torna-se uma maneira de demonstrar certo controle depois, quando a paciente se banqueteia, aquilo que que vê na sua falta de autodisciplina provoca-lhe as agonias do autodesprezo.

Para quebrar esse ciclo, as pacientes terão de reaprender a reconhecer e a reagir aos sinais do seu corpo: só comer quando sentem fome. Muitas pessoas ultrapassam estes problemas sozinhas. Para aquelas que acham não ser capazes, os grupos de conselho e auto  ajuda podem ser muito úteis.

No Comments

Post a Comment