Top

Almoço

images 47 - Almoço

Almoço

Só em sua casa

Poderá não lhe apetecer dar-se ao trabalho de preparar a refeição. Uma refeição ligeira ocasional não faz mal, mas faz-lhe bem ao moral planear comer qualquer coisa de que gosta. Pense antecipadamente para não se ver reduzido a recorrer ao frigorífico ou à despensa quando a fome ataca. O planeamento e ingestão de refeições gradáveis e nutritivas faz com que nos sintamos muito melhor connosco próprios além de distrair.

• Cozinhe uma porção extra da refeição da noite anterior para poder reaquecer ao almoço do dia seguinte, ou transformá-la em algo diferente

• Faça uma reserva de sopa caseira para comer com um bom pão

• Faca uma salada rápida de cenouras cruas, aipo e outros vegetais

• Faça um pizza tingida: aplique rodelas de tomate sobre fatias de pão, cubra com queijo ralado e ervas, aromáticas e deixe tostar na grelha.

Comer fora

Escolha um restaurante que ofereça uma imaginativa série de pratos com baixo teor de gordura (como peixe ou frango ou saladas). Se gostar da comida, dê-o a saber à gerência. Se não gostar, faça-o saber também. Nunca conseguirá o tipo de comida de que gosta se não a pedir; e os restaurantes não sabem que esse tipo de comida é pretendido se os clientes não manifestarem a sua opinião.

Bebidas: Controle o seu consumo de bebidas alcoólicas: é difícil saber onde começam e acabam o beber para fazer companhia, beber demasiado ou ser alcoólico. Reduza as segundas bebidas que tomam só para ser sociável ou por hábito. Se terminar a sua refeição com café, peça-o sem cafeína e simples ou com leite, não com
natas.

Prato principal: Escolha um que dê mais importância a um alimento denso, não carne: picado de carne, coberto com puré de batata (carne e batatas cozidas), caril, spargheiti ou pizza.

Vegetais: Uma salada com baixo teor de gordura (não ensopada em azeite) é uma boa escolha. Se preferir batatas fritas, escolha-as grossas, bem escorridas do óleo.

Pudins/ sobremesas: O perigo aqui são as gorduras e o açúcar.

Almoços Embalados
Se comer uma sanduíche ou pãozinho poderá aumentar a sua ingestão de amido e fibras. As sanduíches podem ser feitas com diversos tipos de pão (farinha integral, trigo integral, de preferência, mas também de pão integral, germe de trigo, pão integral de centeio, centeio, grão misto ou francês). Barre-o com pasta de queijo, salada ou picles, em vez de manteiga ou margarina. Uma salada também constitui um bom entremeio, com carne, frango, queijo magro e um pouco de atum. Se acompanhar a sanduíche com uma peça de fruta ou uma salada, obterá uma refeição nutritiva e equilibrada (mas cuidado com os molhos da salada; experimente temperá-la com iogurte diluído com leite, vinagre, ou sumo de limão, misturado com ervas aromáticas). Tudo isto contrasta com
os alimentos comprados, que têm um elevado teor de gordura.

No Comments

Post a Comment